Gato é resgatado em Luís Eduardo Magalhães após ficar com cabeça presa em lata


Foto: Divulgação | Corpo de Bombeiros

Um gato foi socorrido pelos bombeiros, em Luís Eduardo Magalhães, no oeste baiano, após ficar com a cabeça completamente presa em uma lata, na manhã desta segunda-feira, 16.

De acordo com o Corpo de Bombeiros, a situação aconteceu no prédio de uma escola do bairro Mimoso 2. O vigia da unidade fazia a ronda diária quando encontrou o felino precisando de ajuda e ligou para os bombeiros.

Os militares que atenderam à ocorrência utilizaram um corta a frio e uma tesoura elétrica para romper a lata e retirar a cabeça do gato. Segundo os bombeiros, o trabalho exigiu cautela para que o felino não saísse machucado, ao mesmo tempo em que precisou ser feito com agilidade, por causa da gravidade do caso.

O resgate durou poucos minutos e, conforme os bombeiros informaram, o animal não sofreu ferimentos. Caso perceba algum animal em situação parecida, o corpo de bombeiros pode ser acionado através da central 193.

Portal a Tarde