Em fase de conclusão, Prefeitura pede colaboração da população na realização do Censo Demográfico em apartamentos e outras localidades de Barreiras


O Censo Demográfico é o levantamento de dados realizado a cada 10 anos pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), com essas informações, de extrema relevância para o país, que é possível, por exemplo, analisar detalhes sobre como vive a população, sua renda, raça e grupo familiar. Em Barreiras, 86% do censo foi finalizado, porém, nessa reta final os recenseadores estão encontrando dificuldades para concluir o recenseamento especialmente em apartamentos e prédios do município.

No total, são 125 recenseadores devidamente identificados com bonés, crachás e coletes que se revezam nas visitas às residências, aplicando questionários entre a população e coletando dados econômicos, demográficos e sociais. Nesta terça-feira (10), o prefeito da Capital do Oeste fez questão de receber o coordenador do Censo em Barreiras, João Marcos de Oliveira e a supervisora Ingrid Raiane Santos, e responder os questionamentos, fundamentais para o município.

“É muito importante receber os recenseadores, esses profissionais são responsáveis por percorrer residências e estabelecimentos no intuito de coletar estas informações tão importantes para o país e para o nosso município. É muito rápido, por isso, faço o apelo a todos os barreirenses que ainda não contribuíram com essa coleta de dados, para que recebam esses profissionais. É um procedimento necessário para todos nós, moradores de Barreiras, pois é essencial para auferir, entre outros, o índice do Repasse Constitucional para os Municípios (RPM), que no caso de Barreiras, atualmente é de 4.0. Vamos fazer a nossa parte e contribuir com as informações que são fundamentais para garantir as receitas de Barreiras nos próximos 10 anos”, pontuou Zito Barbosa.

Conforme o coordenador, os recenseadores realizam o Censo Demográfico na cidade e na zona rural e, dos 293 setores, ainda faltam concluir até o final deste mês 40, e a maior dificuldade é realizar a coleta de dados em prédios e apartamentos. “Estamos na reta final do recenseamento em Barreiras, hoje o prefeito desse município recebeu a equipe e contribuiu na coleta de dados e assim, pedimos a todos que ainda não receberam os agentes do IBGE que façam também a sua parte. Estamos no último mês de coleta e precisamos fazer a cobertura completa no município, é importante os moradores receberem os recenseadores, todos estão devidamente trajados, e a população tem três opções para responder: presencialmente, por telefone ou pela internet. Estamos recebendo, desde o início, todo o apoio da Prefeitura, essa é uma oportunidade de retratar a realidade do município”, destacou João Marcos.