Jusmari Oliveira deve ser indicada para a Secretaria de Desenvolvimento Urbano do Estado


O PSD deve indicar a deputada estadual Jusmari Oliveira, que não conseguiu a reeleição pelo partido, para a Secretaria de Desenvolvimento e Urbanismo (Sedur) do governo Jerônimo Rodrigues (PT). Primeiro nome cotado para a pasta, a deputada estadual Ivana Bastos, que renovou o mandato como a mais votada na Assembleia Legislativa, rejeitou o convite da sigla.

Presidente estadual do PSD, o senador Otto Alencar esperava que Ivana aceitasse a indicação, possibilitando que Jusmari, primeira suplente, assumisse o mandato em janeiro de 2023. O Política Livre apurou que os outros deputados estaduais da legenda não teriam o perfil para o convite ou a disposição de aceitar a empreitada.

Na avaliação de um representante do partido na Assembleia, é muito melhor ser amigo do titular da secretaria do que abrir mão do mandato para comandar a pasta. Como caberá ao PSD indicar o secretário, ou a secretária, da Sedur, os parlamentares sabem que terão, em tese, alguém próximo com quem poderão contar politicamente na chefia do órgão. Nessa perspectiva, Jusmari seria um bom nome para a bancada, mais bem aceito do que o da própria Ivana.

Ivana, por sua vez, deve assumir a liderança do PSD na Assembleia. Ela chegou a lançar o nome na disputa pela presidência da Casa, mas não conseguiu reunir apoios para vencer o companheiro de partido e atual presidente, Adolfo Menezes.

Politica Livre