Ao menos três mil famílias ficam isoladas após barragem transbordar em Angical


Ao menos três mil famílias que moram na zona rural de Angical, município do oeste da Bahia, ficaram isoladas depois que a água da Barragem de Ouriçangas transbordou e destruir uma estrada.

A Prefeitura de Angical informou que deve fazer uma obra paliativa para tentar resolver a situação. Questionada sobre uma solução definitiva, a gestão municipal afirmou que não tem condições de pagar R$ 5 milhões para construir uma nova estrada.

Por enquanto, as pessoas passam pela estrada a pé, através de um pedaço de madeira colocado no local.

Não é a primeira vez que os moradores de Angical passam por essa situação. Em dezembro do ano passado, eles precisaram se deslocar de barco após a ponte da cidade cair por causa dos temporais. As informações são do G1