Morre o cantor e compositor Erasmo Carlos


Morreu, nesta terça-feira (22), o cantor e compositor Erasmo Carlos. A causa da morte ainda não foi divulgada.

Erasmo Carlos havia sido internado na manhã desta terça-feira (22) no Hospital Barra Dór, na Barra da Tijuca, no Rio de Janeiro, às pressas. No início do mês, o artista comemorou a alta após duas semanas de internação no Barra D'Or para realizar exames e tratar uma síndrome edemigênica.

A doença ocorre quando há um desequilíbrio das forças bioquímicas que mantêm os líquidos dentro dos vasos sanguíneos. Geralmente é causada por patologia cardíacas, renais e dos próprios vasos.

O artista completou 81 anos de idade em 5 de junho. Nascido e criado na Tijuca, zona norte do Rio de Janeiro, Erasmo sempre foi apaixonado por música. Conhecido por ser um dos pioneiros do rock brasileiro e por sua parceria com Roberto Carlos, ele deixa um grande legado para a música no Brasil. Gravou sucessos como "Gatinha manhosa", "Vem quente que eu estou fervendo" e "Minha fama de mau".

Erasmo participou ainda efetivamente junto com Roberto Carlos e com Wanderléa do programa Jovem Guarda, e recebeu o apelido de "Tremendão".

Metro 1