Prefeitura de Barreiras prepara 4ª edição do Festival Primavera de Negócios e Entretenimento


A 4ª edição do Festival Primavera de Negócios e Entretenimento retoma após dois anos de pandemia. O evento, idealizado pela administração de Barreiras com o propósito de promover o fortalecimento do comércio, indústria e serviços está confirmado para o período de 21 a 24 deste mês no Parque Natural Municipal Engenheiro Geraldo Rocha. Para celebrar o retorno, a Secretaria de Comércio, Indústria e Turismo, responsável pela organização, em parceria com as demais secretarias municipais, está preparando uma série de novidades ao público.

“Será um evento muito maior. Saímos de uma praça de alimentação para cinco mil pessoas, na última edição realizada em 2019, para um espaço capaz de comportar 12 mil pessoas, neste ano. Ampliamos também o número de estandes comerciais, de 88 naquela edição, para 128. Trata-se de uma vitrine estratégica para divulgação de marcas, produtos e serviços”, destaca o secretário de Indústria, Comércio e Turismo, Roberto de Carvalho.

Os interessados em adquirir um dos estandes para exposição e comercialização de produtos podem se dirigir, a partir da próxima quinta-feira (8), na Secretaria de Comércio, Indústria e Turismo, que fica no prédio da Prefeitura de Barreiras. São espaços padronizados de 3mx4m e, de acordo com o secretário, 50% já estão reservados. Além disso, de 12 a 14 deste mês será feita a venda dos 10 espaços destinados a restaurantes, 15 pontos para lanches e 5 para food truck.

Os valores são de R$ 3.600 para os restaurantes; variam de R$ 2 mil a R$ 3 mil para espaços de 3mx4m, dependendo da localização. As lanchonetes de 3mx3m custam R$ 1 mil e os pontos para fook truck, R$ 1.200. “Ressaltamos que os espaços para a exploração dos restaurantes serão destinados somente para empresas que estejam efetivamente em funcionamento e obedecendo as exigências legais, tanto sanitárias quanto trabalhistas”, orienta o secretário. Em 2019 o Festival Primavera movimentou cerca de R$ 40 milhões, aquecendo a economia e promovendo o desenvolvimento regional.