Prefeito Zito Barbosa vistoria obras de construção de mais três pontes na zona rural de Barreiras


Aproximar as pessoas, facilitar o escoamento da produção agrícola e promover desenvolvimento são reflexo do trabalho realizado pela Prefeitura de Barreiras na zona rural do Município. Obras de infraestrutura se estendem em povoados e comunidades como as das quatro pontes na região do Rio Branco. Após já ter construído e entregue em maio passado uma ponte de concreto e pré-moldado na região, a Prefeitura segue com a construção de mais três, sendo que duas, estão em fase final e a terceira, localizada no Riacho d'Água, está em ritmo acelerado de trabalho e fará a ligação dos municípios de Barreiras e Riachão das Neves.

Para conferir de perto o andamento das três obras, o prefeito Zito Barbosa esteve nesta quarta-feira (31), na região do Rio Branco. Em março deste ano ele assinou a ordem de serviço para a construção das quatro estruturas, em concreto armado em substituição às pontes antigas, de madeira, que apresentavam sérios problemas, colocando em risco pedestres e motoristas. “Estas obras eram fundamentais. Houve registros de vários acidentes, inclusive, com a queda de um ônibus e, mesmo em todos os anos nossas equipes fazendo muitos reparos, eram insuficientes devido ao tempo e as estruturas serem de madeira”, disse o prefeito.

As antigas pontes de madeira deram lugar a estruturas modernas, em concreto armado e reforçadas, seja com pilares cilíndricos ou com conjuntos de aduelas duplas, garantindo a segurança na trafegabilidade. Com largura de sete metros, as vias permitem que dois veículos transitem simultaneamente. A ponte do Riacho d'Água, sobre o Rio Branco é uma obra arrojada, onde, segundo o gestor, foi realizado um investimento superior a um milhão de reais.

“Esta é uma grande obra que irá beneficiar não apenas a população de Barreiras, mas também, do município de Riachão das Neves. Os trabalhos estão andando bem e acredito que em aproximadamente dois meses já estarão concluídos. Foi mais um compromisso que assumimos e que estamos cumprindo, porque entendemos que a população da zona rural precisa ter os mesmos acessos, serviços e qualidade de vida que as pessoas que vivem na sede de Barreiras”, finalizou Zito Barbosa.