Presidente da Abapa visita futuras instalações do SEST SENAT, em Luís Eduardo Magalhães


Todos os anos, só na região Oeste da Bahia, em torno de 200 mil caminhões ganham as estradas, percorrendo o caminho das fazendas e armazéns até o porto, para escoar a safra de grãos e algodão. E um número não muito diferente deste faz o caminho de volta, trazendo para a região os insumos necessários à produção. Por isso, o aperfeiçoamento contínuo de tudo o que diz respeito aos veículos rodoviários e ao transporte é uma prioridade para os produtores rurais do cerrado baiano.

O Centro de Treinamento da Associação Baiana dos Produtores em LEM já possuía um laboratório para a formação e qualificação de condutores e de profissionais que trabalham com caminhões, em parceria com a empresa Gotemburgo Veículos, concessionária de caminhões Volvo. Agora, o CT ganhou o reforço do Serviço Social do Transporte (SEST) e do Serviço Nacional de Aprendizagem do Transporte (SENAT). O convênio, firmado em junho último, durante a Bahia Farm Show, irá potencializar os cursos já ofertados no CT e expandir o leque de possibilidades, inclusive na área de saúde dos trabalhadores.

O braço do Sistema S está em vias de inaugurar a primeira unidade no Oeste da Bahia, que inclui um centro dotado de salas de aula, sala de informática e até um moderno simulador de direção, que reproduz a experiência de dirigir vários tipos de ônibus e de caminhões e permite que o aluno vivencie diversas situações que podem ocorrer no trânsito - como condições meteorológicas adversas, tráfego intenso e perigo na via.

Demanda

“Para nós, é uma imensa satisfação ver esta obra em andamento, e é, também, extremamente gratificante, porque ela atendeu a uma demanda dos produtores, através da Abapa”, disse o presidente da Associação, Luiz Carlos Bergamaschi, enquanto visitava as instalações e se familiarizava com as tecnologias ofertadas.

De acordo com diretora da unidade do SEST/SENAT LEM, Adriana Reis, a obra é resultado de um investimento de R$12 milhões, e, além da formação e capacitação profissional, vai prover o atendimento social, com serviços de saúde voltados ao trabalhador do transporte e seus dependentes, nas áreas de odontologia, fisioterapia, nutrição e psicologia.

Bergamaschi explica que, na parceria entre a Abapa, Gotemburgo/Volvo e SEST SENAT, o foco é o laboratório existente no CT, mas a existência do centro e as muitas possibilidades que ele oferece farão toda a diferença. “Poder ofertar esses serviços de saúde, a custos diferenciados, para os profissionais que trabalham com nossos associados é de um valor inestimável”, afirmou.


Imprensa Abapa