Município baiano lidera ranking nacional de desmatamento da Mata Atlântica


Um levantamento da SOS Mata Atlântica mostrou que a cidade de Baianópolis, no oeste da Bahia, lidera o ranking nacional de desmatamento da Mata Atlântica. Em um ano, 1,7 mil hectares de vegetação, uma área equivalente a quatro campos de futebol, foram extintos no município.

O município com 100 mil² destina 70 mil hectares para a produção de grãos (30 mil hectares) e para a criação de gado (40 mil hectares). Em apenas um ano, 1,7 mil hectares de floresta viraram pastagens. Um ano antes, na mesma região, a área desmatada era de 30 hectares.

Entre 2020 e 2021 o Brasil perdeu 12,5% dos mais de 1 milhão e 100 mil km² de florestas da Mata Atlântica.

O estudo aponta um aumento de mais de 5.500%. Outros seis municípios baianos integram a lista com mais 1.400 hectares desmatados.

Confira a lista:

Baianópolis: 1.700 hect.
Cotegipe: 445 hect.
Wanderley: 431 hect.
São Félix do Coribe: 175 hct.
Brejolândia: 149 hect.
Carinhanha: 116 hect.
Tapiramutá: 99 hect.

Fonte: Metro 1