Vice-prefeito de Barreiras e Secretário de Saúde participam de Seminário em Salvador e são recebidos em audiência pela titular da SESAB

Nesta quinta e sexta-feira (12 e 13), o vice-prefeito de Barreiras, Emerson Cardoso, juntamente com o secretário de Saúde, Melchisedec Neves, e do coordenador da Atenção Básica, Ari Donizete, participaram do Seminário Qualificação do Desempenho na Atenção Primária à Saúde, do Programa Previne Brasil. O encontro que aconteceu em Salvador reuniu todos os secretários municipais de saúde da Bahia e teve como principal objetivo apresentar os resultados da Atenção Primária e apoiar gestores municipais na melhoria dos indicadores de desempenho do Programa com demonstração, através do treinamento, sobre o novo financiamento das ações na Atenção Primária à Saúde.

O Previne Brasil é um modelo de financiamento da Atenção Primária à Saúde (APS) instituído em 2019, onde quatro componentes são levados em consideração para fazer o repasse financeiro Federal a Municípios e ao Distrito Federal: capitação ponderada (cadastro de pessoas), pagamento por desempenho (indicadores de saúde), incentivo financeiro com base em critério populacional e incentivo para ações estratégicas (credenciamentos/adesão a programas e ações do Ministério da Saúde).

Conforme o secretário de Saúde de Barreiras, com essa capacitação, os municípios puderam obter o máximo de informações sobre os recursos de financiamento das ações na Atenção Primária do município o que, consequentemente, ampliará o acesso da população aos serviços de saúde já ofertados.

“O Seminário Qualificação do Desempenho na APS, promovido pelo Ministério da Saúde, foi de grande importância para esse momento em nosso município, tendo em vista que o Previne Brasil tem como finalidade o princípio da estruturação do modelo de financiamento focado em aumentar o acesso da população à Atenção Primária. Temos certeza que esses conhecimentos adquiridos contribuirão positivamente na saúde de Barreiras, deixando cada vez mais humanizada, integrada e inovadora”, pontuou Melchisedec Neves.

Na oportunidade, o vice-prefeito e o secretário de saúde de Barreiras foram recepcionados pela secretária estadual de Saúde, Dra. Maria Adélia Pinheiro. Na reunião foram tratados diversos assuntos, dentre eles, as decisões tomadas por parte do Estado referente ao atendimento pediátrico no Hospital do Oeste, as dificuldades enfrentadas com a Central Estadual de Regulação– CER e a metodologia de atendimento apresentada ao município com relação ao Centro de Oncologia.

O vice-prefeito de Barreiras avaliou como positivo o seminário, assim como a audiência com a secretária da Saúde do Estado. “Foram dois dias produtivos nesse seminário que reuniu gestores municipais para tratar dos resultados e de como obter o máximo de recurso de financiamento destinado à Atenção Primária à Saúde. Agradecemos a receptividade da secretária Dra. Maria Adélia Pinheiro, esse encontro foi significativo, uma vez que externamos sobre os temas discutidos em reunião recente da Comissão de Intergestores Regional (CIR), também as necessidades do retorno do atendimento pediátrico em demanda espontânea no Hospital do Oeste, apresentamos os motivos que justificam a ampliação na oferta de atendimento e número de leitos para a região, bem como o internamento e agilidade aos pleitos de regulação do Estado. A Secretária foi muito solícita e acreditamos que teremos bons retornos de todas as demandas apresentadas”, destacou Emerson Cardoso.