Governo do Estado anuncia novos investimentos em esgotamento sanitário para Ibotirama


Durante visita a Ibotirama, no Oeste da Bahia, na última sexta-feira (20), o governador da Bahia, Rui Costa, autorizou o início das obras de ampliação do sistema de esgotamento sanitário no município. Com investimentos na ordem de R$ 2,6 milhões, com recursos próprios da Empresa Baiana de Águas e Saneamento (Embasa), vinculada à Secretaria de Infraestrutura Hídrica e Saneamento (SISH), o empreendimento irá beneficiar cerca de 4.800 pessoas do bairro Alto do Cruzeiro com serviço de coleta e tratamento de esgoto.

Na ocasião, o governador reforçou a importância das obras de esgotamento sanitário para garantir mais saúde e qualidade de vida para os baianos. “Investimento em esgoto sanitário é fundamental para o meio ambiente para retirar o esgoto que é despejado e polui o rio São Francisco”, afirma. O empreendimento, que ainda deverá ser licitado, abrange a implantação de 11.800 metros de rede de coletora e ramais para atender 1.200 imóveis.

Os investimentos anunciados somam-se aos cerca de R$ 2,5 milhões já destinados na implantação e operação do sistema de esgotamento sanitário de Ibotirama, que atende cerca de 80% da sede municipal. O gerente regional da Embasa, Marcos Rogério Moreira, reforça que a previsão, ao concluir o empreendimento no Alto do Cruzeiro, é que o índice de atendimento atinja os 85% da sede Ibotirama.

“A Embasa vem trabalhando para expandir a prestação do serviço que hoje já atende cerca de 7 mil imóveis com a coleta e transporte dos esgotos domésticos dos imóveis localizados nos bairros Alto do Fundão, Calumbi, Centro, Ibotiraminha, São Francisco e Morada Real”, afirma. O sistema trata uma média de cerca 53,7 mil metros cúbicos de esgoto que é transportado, por meio de 64 mil metros de rede coletora, para tratamento em uma estação própria antes do efluente ser destinado de forma segura e sem riscos de poluição para o rio São Francisco.