Programa Melhor em Casa leva atendimento humanizado em domicílio para pacientes de Barreiras

A segunda-feira (14), foi dia de alta para a dona de casa Joana Rodrigues da Silva, que, aos 96 anos estava, desde outubro do ano passado, recebendo tratamento para a Covid-19. Depois de um período de internação no Hospital do Oeste que durou quase um mês, ela foi transferida para sua casa, onde passou a ser assistida pela equipe do Programa Melhor em Casa, da Prefeitura de Barreiras. As visitas semanais feitas por médicos, fisioterapeutas, assistentes sociais, enfermeiros, técnicos de enfermagem e psicólogos resultaram em um tratamento de sucesso. Agora, ela, o marido Leonardo Pereira da Silva, (94), o filho João Batista e demais familiares comemoram a alta.

Dona Joana foi mais um caso que entrou nas estatísticas de cuidados do Programa Melhor em Casa. Hoje, de acordo com a coordenação, mais de 60 pacientes são tratados em suas residências com serviços de curativos, visitas semanais de rotina e avaliação, fisioterapia, além de entrega de itens como fraldas e medicamentos, sempre que o paciente se enquadrar nos critérios do Programa. O encaminhamento ao Melhor em Casa é feito por profissionais dos hospitais, UPA ou Unidades Básicas de Saúde (postos de saúde) que identifiquem no paciente o perfil e a necessidade do atendimento especializado.

“A nossa equipe garante ao paciente que possui dificuldade em se locomover até uma unidade de saúde, um serviço domiciliar, com comodidade. A gente vai acompanhando até o dia da alta, de forma gradual, para que ele dê sequência às suas rotinas”, explica a coordenadora Amanda Carvalho. Ela explica ainda que para ser inserido no Programa, o paciente passa por avaliação médica nas unidades de saúde de origem e a partir das demandas apresentadas, a equipe do Programa solicita junto a Central de Abastecimento Farmacêutico (CAF), procedimentos como exames, aplicação de medicações venosas, oxigenoterapia, entre outros. A iniciativa evita e reduz a permanência dos pacientes nos hospitais, garantindo acompanhamento seguro e humanizado com mais comodidade.

Foi com o sentimento de gratidão que dona Joana e familiares receberam a equipe do Melhor em Casa para celebrar a alta. Com uma lucidez de fazer inveja a muitas pessoas mais jovens, ela relatou como foi passar cerca de três meses sendo assistida em sua residência. “Não tenho como agradecer o tanto que fui bem cuidada, ‘carinhada’. Fizeram de mim, um bebê, conta sorrindo. Gentileza e carinho nunca faltaram”, finaliza. Palavras endossadas pelo filho, João Batista. “Ver minha mãe em casa, aos 96 anos, tão bem assistida é maravilhoso. Nossa família tem um carinho muito grande pela equipe da Secretaria de Saúde que tão bem cuidou de minha mãe”, finalizou.

O Programa Melhor em Casa funciona na sede da Central de Regulação (CIR), na Avenida José Bonifácio, nº 27, Centro.

Dircom - Prefeitura de Barreiras