Em Barreiras, equipe do Concurso Regional em Arquitetura e Urbanismo realiza visita técnica em patrimônios históricos e equipamentos urbanos

O Concurso Regional em Arquitetura e Urbanismo promovido pela Prefeitura de Barreiras, cujo tema “História Viva – A cidade do futuro que preserva seu passado” que visa a recuperação de patrimônio histórico e equipamentos urbanos sob a conceituação da requalificação urbana, continua com as inscrições abertas até 25 de março.

Na tarde desta sexta-feira (25), o vice-prefeito e secretário de Planejamento, Emerson Cardoso, juntamente com o coordenador técnico do concurso, Marcus Penalber, também do assessor técnico Vandré Vilela e o coordenador de Praças e Jardins, Genivaldo Laurindo, realizaram uma visita técnica na Antiga Usina Hidrelétrica; Antigo Matadouro; Antiga Delegacia; Rua Humaitá e Praça Dr. Augusto Torres; Praça Amphilóphio Lopes e Praça Duque de Caxias. Esses espaços fazem parte dos lotes que poderão ser escolhidos pelos arquitetos urbanistas para a elaboração do Anteprojeto, que deverá conter informações das propostas elaboradas previstas no Termo de Referência.

Conforme o edital que pode ser conferido no Portal da Transparência, o concurso versará na escolha espontânea pelo Arquiteto Urbanista de 1 (um) ou até 2 (dois) lotes de equipamentos e espaços públicos, dessa maneira, essa visita da equipe técnica que estão na frente do concurso foi para avaliar a limpeza dos espaços que facilitará a visita dirigida aos candidatos interessados a partir da próxima quarta-feira (2).

Para a visita aos lotes, será necessário o uso de Equipamentos de Proteção Individual (EPI's), sendo os horários estabelecidos da seguinte forma: às 15h no Antigo Matadouro; 15h40 na Antiga Usina Hidrelétrica; 16h20min na Antiga Delegacia; 17h Rua Humaitá e Praça Dr. Augusto Torres e às 17h40min na Praça Amphilóphio Lopes e Praça Duque de Caxias, com agendamento através do telefone: (77) 99940-0707

“Hoje acompanhamos a coordenação da equipe da Prefeitura que fez a limpeza nos espaços históricos e públicos inseridos como opção para escolha dos arquitetos no concurso. Todos os profissionais que queiram, a partir da próxima semana, conhecer de perto os detalhes desses espaços para proposições de revitalização devem visitar devidamente equipados (EPIs). É mais uma oportunidade de conhecer in loco, para melhor desenvolver os seus projetos e fortalecer o sentimento de apreço por esses espaços históricos da nossa cidade”, pontuou o vice-prefeito e secretário de Planejamento, Emerson Cardoso.

“História Viva – A cidade do futuro que preserva seu passado”: O Concurso Regional em Arquitetura e Urbanismo será de âmbito regional e ocorrerá em etapa única. Poderão participar todos os arquitetos que estejam em situação regular perante o Conselho de Arquitetura e Urbanismo (CAU) e os estudantes que estejam no penúltimo período ou semestre do Curso de Arquitetura e Urbanismo, na região, desde que sob a orientação de um professor. A premiação acontecerá por lote, o vencedor em primeiro lugar ganhará R$ 5.000,00 (cinco mil reais), o 2º Lugar R$ 3.000,00 (três mil reais) e o 3º Lugar receberão placas alusivas ao resultado alcançado no concurso.