domingo, 20 de junho de 2021

CoronaVac é a vacina que mais previne mortes, aponta estudo


Um novo levantamento sobre a eficácia das vacinas contra a Covid-19 aponta que a CoronaVac, produzida pelo Instituto Butantan, tem a maior eficácia contra casos graves da doença, prevenindo até 97% das mortes.

O estudo foi feito pelo ex-secretário Nacional de Vigilância em Saúde do Ministério da Saúde e atual secretário de Serviços Integrados de Saúde do STF (Supremo Tribunal Federal), o epidemiologista Wanderson de Oliveira, com base em dados do sistema OpenDataSus, do Ministério da Saúde.

De acordo com a pesquisa, após duas semanas da segunda dose da vacina, a eficácia é de 50,4% para casos muito leves, 77,96% para casos leves que precisem de atendimento e 97% para casos graves.

Também foram analisadas as taxas de eficácia contra casos graves das outras vacinas, a exemplo da Astrazeneca (90%), Pfizer (80%), Janssen (85%) e Sputnik V (85%).

Metropole

Comente aqui!


Atenção!
Você é responsável pelo seu comentário.
Obrigado.
EmoticonEmoticon