quarta-feira, 2 de dezembro de 2020

MEC desiste de retorno das aulas presenciais em janeiro


O Ministério da Educação (MEC) recuou e decidiu revogar a portaria publicada hoje (2), no Diário Oficial da União, determinando o retorno das aulas presenciais a partir do dia 4 de janeiro de 2021. A medida repercutiu negativamente na comunidade acadêmica e universidades se recusaram a voltar às aulas por não considerar este o melhor momento.

À CNN Brasil, o ministro Milton Ribeiro afirmou que vai abrir uma consulta pública para ouvir "o mundo acadêmico" antes de tomar uma nova decisão. Segundo ele, "as escolas não estavam preparadas, faltava planejamento".

O reitor da Universidade Federal da Bahia (UFBA), João Carlos Salles, já havia afirmado que a instituição não retomaria as aulas, mesmo com a determinação do MEC. Em nota, ele disse que a decisão foi tomada pensando no "zelo e responsabilidade acadêmica e institucional".

Ainda segundo Ribeiro, a partir de agora o MEC só vai liberar o retorno às aulas quando as instituições também estiverem confiantes de que as aulas podem ocorrer em segurança.

METRO 1

Comente aqui!


Atenção!
Você é responsável pelo seu comentário.
Obrigado.
EmoticonEmoticon