sexta-feira, 11 de setembro de 2020

Globo dispensa Glória Menezes e Tarcísio Meira após 53 anos


Mais dois nomes de longa data da Rede Globo foram dispensados do quadro fixo de funcionários da emissora. Depois de Renato Aragão, Miguel Falabella e outros atores e atrizes, Glória Menezes e Tarcísio Meira encerram um vínculo de 53 anos. A medida faz parte de uma política de cortes de gastos que a empresa está implementando por conta da pandemia do novo coronavírus, que a forçou a paralisar as gravações de novelas e programas de entretenimento e reduziu as receitas publicitárias.

O casal, que estreou na Globo em 1967 na trama Sangue e areia, pode retornar em contratos pontuais, de acordo com a colunista Patrícia Kogut, do jornal O Globo. Contudo, os dois não terão mais o vínculo de longo prazo.

"Como todos sabem, nos últimos anos, temos tomado uma série de iniciativas para preparar a empresa para os desafios do futuro. Com isso, temos evoluído nos nossos modelos de gestão, de criação, de produção, de desenvolvimento de negócios e também de gestão de talentos. Assim, em sintonia com as transformações pelas quais passa nosso mercado, a Globo vem adotando novas dinâmicas de parceria com seus talentos. Tarcísio Meira e Gloria Menezes, com quem tivemos uma longa parceria de sucesso, têm abertas as portas da empresa para futuros projetos em nossas múltiplas plataformas", informou a emissora em nota.

Prestes a completar 86 anos em outubro, a atriz está no ar na reprise de Totalmente demais como a malvada Stelinha. Tarcísio Meira, por sua vez, fez o último papel em 2018 em Orgulho e paixão. No entanto, o ator deixou as gravações quase quatro meses antes do previsto porque estava com a saúde debilitada.

Correio Braziliense

Deixe aqui o seu comentário!


Atenção! Você responsável pelo seu comentário.
EmoticonEmoticon

Vamos Produzir?

Curta a página Hailton Pereira no Facebook!


Clique no botão CURTIR.