quarta-feira, 29 de julho de 2020

Governo beneficia agricultores familiares com entrega de tratores agrícolas



O governo baiano concretizou mais uma ação voltada para reforçar a produção de agricultores e agricultoras familiares de todo o estado com a utilização de tecnologia. O governador Rui Costa realizou a entrega, nesta quarta-feira (29), de 105 tratores agrícolas com implementos para 105 cooperativas e associações.

“A Bahia é o estado do Brasil com maior número de agricultores, e com este investimento queremos dar um salto na produção, melhorar a renda dos nossos agricultores. No próximo sábado temos mais um passo nesta direção, que é a transmissão do programa Rural Produtivo na TVE, que vai divulgar casos de sucesso da agricultura familiar na Bahia”, afirmou o governador Rui Costa.

A iniciativa representa um investimento de aproximadamente R$ 12 milhões fruto de emendas parlamentares e beneficia os produtores de 91 municípios baianos. Cada trator tem custo médio de R$ 106 mil.

Josias Gomes , secretário de Desenvolvimento Rural, pasta responsável pelas entregas dos tratores, afirma que os equipamentos auxiliam no aumento da capacidade de produção. “Os equipamentos permitem que a agricultura baiana seja mais tecnificada, o que dá condições para que aumente a produção agrícola. Isso se deve às ações de assistência técnica e de distribuição de equipamentos e implementos agrícolas. Estamos atendendo a diversas associações e municípios e com isso estreitando ainda mais a nossa relação com os agricultores e prefeituras, que contribuem muito conosco no sentido de uma prestação de serviço para uma agricultura familiar de excelência”, afirmou o secretário.

Segundo o presidente de uma associação de agricultores e pescadores, que conta com 100 famílias, José Antunes, a entrega do trator permite uma maior capacidade de produção. “É uma máquina que vai atender a toda comunidade. Agora pretendemos inclusive diversificar a nossa produção que também será facilitada por esse trator”.

“O que nós estamos aportando são tecnologias de aperfeiçoamento da produção, tirando uma quantidade considerável de agricultores e agricultoras familiares do jeito tradicional de preparar a terra, para a forma mecanizada. Isto significa um aumento de produtividade de mais de 300%, ou seja, maior quantidade de áreas preparadas e solos melhor preparados, que irão contribuir para que as plantas tenham uma produtividade mais alta. Tudo isso se transforma em renda para os agricultores que estão sendo beneficiados”, destacou o diretor-presidente da Companhia de Desenvolvimento e Ação Regional (CAR/SDR), Wilson Dias.

SECOM/BA

Deixe aqui o seu comentário!


Atenção! Você responsável pelo seu comentário.
EmoticonEmoticon

Vamos Produzir?

Curta a página Hailton Pereira no Facebook!


Clique no botão CURTIR.