CURTA e COMPARTILHE a nossa página


sexta-feira, 10 de julho de 2020

Abapa e Sesi reforçam blitz educativa para evitar contágio da Covid-19 nas propriedades rurais


Com a maior interiorização do novo coronavírus, a Associação Baiana dos Produtores de Algodão (Abapa) e o Serviço Social da Indústria (Sesi) vem intensificando as ações de monitoramento e a sensibilização dos funcionários e colaboradores ligados ao setor agrícola no Oeste da Bahia. Nesta terça-feira (7) foi realizada uma blitz na Fazenda Barcelona, do Grupo Gorgen, em Riachão das Neves, e na segunda (6), na Fazenda Santo Antônio, do Grupo Irmãos Franciosi, em Barreiras. Os profissionais tiveram aferida a temperatura corporal e passaram por uma triagem como forma de monitorar os colaboradores com possíveis sintomas da Covid-19. A ação já conta com a adesão de muitas fazendas e já foram atendidos cerca de 1.000 trabalhadores que atuam no setor da cotonicultura baiana.

Com um grupo com cerca de 290 funcionários, o Grupo Irmãos Franciosi vem trabalhando com medidas educativas e de segurança no ambiente de trabalho para evitar que o vírus circule entre o público interno. Para Danielle Pavanelo, gerente de recursos humanos, a ação conjunta da Abapa e do Sesi vem com o objetivo de melhorar o entendimento dos colaboradores sobre a prevenção e combate ao covid-19. Os colaboradores participaram ao final de uma palestra de sensibilização e receberam material educativo sobre a prevenção e cuidados para prevenir o contágio no ambiente de trabalho e em casa.

A coordenadora de Recursos Humanos do Grupo Gorgen, Brisley Gomes, acredita que a ação é fundamental diante do fluxo de pessoas na propriedade principalmente neste período de colheita e beneficiamento do algodão. “Sensibilizar os nossos colaboradores sobre a dimensão do vírus e o uso da máscara e a prática do distanciamento social visam principalmente preservar a saúde dos nossos colaboradores que tem se esforçado para cumprir todas as medidas preventivas”, reforça. A blitz também verificou as instalações das fazendas, como espaçamento entre as estações de trabalho, disponibilização de lavabos para a limpeza das mãos e a circulação de informações sobre a doença no ambiente de trabalho.

A ação integra o programa “Sesi Juntos contra a Covid-19” desenvolvido para atender o setor agrícola durante este período da pandemia. O gerente regional do Sesi, Henrique Costa Almeida, reforça mais uma vez a importância da parceria da Abapa para que este serviço fundamental neste período de pandemia atinja os funcionários ligados às fazendas dos produtores associados da entidade “Este programa foi iniciado ainda no início de maio e formatado pelas nossas equipes de saúde e segurança do trabalho que já conhecem a dinâmica de funcionamento do setor agrícola. É um trabalho que o tem o objetivo de apoiar o setor agrícola nos protocolos e medidas que possibilitam a manutenção ou retomada das atividades econômicas das empresas”, afirma.

Ao parabenizar os produtores pelas medidas rápidas e efetivas para evitar a proliferação do coronavírus, o presidente da Abapa, Júlio Cézar Busato, reforça o quanto é fundamental que os produtores façam a sensibilização permanente com os seus funcionários. “Demonstramos, com sucesso, ao longo desta pandemia como compatibilizar a manutenção dos nossos serviços com a saúde dos colaboradores do setor agrícola. A Abapa, por meio do Centro de Treinamento, está a disposição dos produtores da região para garantir que continuem sendo respeitadas as recomendações das autoridades sanitárias para evitar a Covid-19 assegurando a vida dos nossos profissionais e dos seus familiares”, reforça.







Assessoria de Imprensa Abapa

Deixe aqui o seu comentário!


Atenção! Você responsável pelo seu comentário.
EmoticonEmoticon

Vamos Produzir?

Curta a página Hailton Pereira no Facebook!


Clique no botão CURTIR.