quarta-feira, 27 de novembro de 2019

Em Barreiras, Projeto Horta nas Escolas se transforma em Programa Municipal


A expansão e os bons resultados Projeto Horta nas Escolas, iniciado em 2017 e executado pela Secretaria Municipal de Agricultura e Tecnologia, foram apresentados na manhã desta terça-feira (26), no auditório da Aiba/Abapa aos gestores das escolas participantes, membros da Prefeitura de Barreiras e entidades parceiras. Em 2019, aderiram ao projeto 17 escolas, além de Centros de Referência de Assistência Social (CRAS III e IV), Centro de Atendimento Psicossocial Álcool e Drogas (CAPS AD II), Programa Idade Viva e Abrigo dos Idosos. Com o crescimento do público atendido, o Horta nas Escolas se tornou um programa municipal, com nova logomarca, identidade visual e material de divulgação.

“O Projeto tornou-se programa porque alcançou ares maiores, começou com muito amor, carinho e dedicação das nossas coordenadoras da preparação do solo à colheita, o que fez desse Programa o sucesso que ele é no nosso município. Agradecer ao apoio de todos os parceiros, das Secretarias de Meio Ambiente e Educação. Nós não fazemos apenas uma horta, mas é algo transformador dentro das escolas, que promove a mudança de comportamento dos alunos no ambiente escolar”, destacou José Marques, secretário de agricultura e tecnologia.

Foram cerca de 2.000 m² de canteiros implantados nas zonas urbana e rural de Barreiras, fruto da parceria com a Associação de Agricultores e Irrigantes da Bahia – Aiba, Universidades (Unifasb, Unirb e Uneb), empresas (JCO, Cargil, Tetra + e Arroz Barreiras), Cetep e Secretarias Municipais (Infraestrutura, Educação, e Meio Ambiente). Na prática, as escolas ganharam incremento no cardápio escolar, promoção da alimentação saudável, aumento da disciplina em sala de aula e melhoria da integração entre alunos e docentes.

Segundo a diretora da Escola Municipal Maria Castro e Silva, Rosirene Grinaldo, é uma grande satisfação integrar o grupo de escolas beneficiadas pelo programa. A sua fala foi confirmada pelo aluno Samuel Oliveira, da Escola Municipal da Boa Sorte, onde também no período de férias os estudantes se unem para manter a horta viva e bonita. “Queria muito agradecer aos meus colegas e aos diretores pela oportunidade, me deu muita alegria em participar”, disse Samuel, que é um dos principais alunos entusiastas do Programa em sua unidade escolar.

Também participaram do evento, a secretária municipal de educação Cátia Alencar, representando o Instituto Aiba, o produtor Danilo Kumagai, Suzana Viccini, do Núcleo Mulheres do Agro, Jorge da Silva Jr, em nome das Universidades, o subsecretário de Agricultura Rider Castro, a técnica do Programa Lucy Lopes e a chefe de gabinete Marileide Carvalho, que representou o prefeito de Barreiras, Zito Barbosa.

“Quando fomos convidados para participar desse trabalho juntamente com a Prefeitura de Barreiras, nós abraçamos a causa, iniciamos com poucas escolas e sonhando em chegar onde estamos chegando, era um pequeno trabalho nosso, que hoje se tornou em um programa no município”, destacou Danilo Kumagai.

A manhã contou ainda com as apresentações das coordenadoras do programa, Lucy Lopes, Ingrid da Silva e do Doutor Danilo Cerqueira, abordando as etapas do Horta nas Escolas, e a importância delas como instrumento pedagógico.

Dircom/Prefeitura de Barreiras

Deixe aqui o seu comentário!
EmoticonEmoticon

Uma forma inovadora e segura de pedir seu áudio!

Uma forma inovadora e segura de pedir seu áudio!
Clique no Banner e entre no site e faça o seu cadastro!