terça-feira, 6 de agosto de 2019

1ª Feira de Empreendedorismo Infantil movimenta Centro Educacional Tarcilo Vieira de Melo


Barracas prontas e pátio decorado. Muita movimentação de alunos arrumando os cupcakes, maças do amor, bolo de tapioca, trufas, caixas decorativas e muitos artesanatos produzidos em sala de aula, pelos alunos do 1º ao 5º ano do Centro Educacional Tarcilo Vieira de Melo. Nesse clima, ocorreu a 1ª Feira de Empreendedorismo Infantil em culminância ao projeto de Educação Financeira “Aprendendo a Lidar com Dinheiro”.

Mais de 850 alunos foram envolvidos no projeto idealizado pela gestão escolar e aprovado pelos pais. A metodologia também obedece às diretrizes da Base Nacional Comum Curricular (BNCC). A diretora Alessandra França explica que as ações elaboradas foram apresentadas a comunidade escolar como proposta da gestão, e diz respeito à resolução de problemas dentro do contexto da Educação Financeira. “Trabalhamos durante o mês de julho, com palestras, aprendizagem de dinheiro, troco e educação financeira, mostrando para eles como funcionam as questões do consumo, trabalho e dinheiro”, disse a diretora.

O aluno do 5º ano, Ricardo da Silva Batista participou ativamente de todo processo e estava feliz com o resultado. “Eu adorei participar da feira, recebemos amigos de outras escolas, que vieram comprar nossos cupcakes, vendidos por R$ 2,00 cada um. Rapidinho vendemos tudo, arrecadamos mais de R$ 60,00, que vão ficar no caixinha para outra feirinha e depois será utilizada para ajudar na festa de formatura”, relatou Ricardo. Ele ainda contou, que depois das vendas dos doces, a turma voltou para sala de aula para fechar o caixa e somar a renda.

A professora de Matemática, Ana Claudia, explicou que todos os alunos do matutino e vespertino participaram desde a primeira etapa, que foi iniciada com a venda de latinhas para reciclagem, palestras, rodas de conversa dentro da sala de aula e o resultado da primeira feira. “O envolvimento dos alunos, professores, coordenadores pedagógicos e gestão escolar foi integrado, todos ajudaram desde o início. Hoje culminamos com a Feira, para mostrar na prática como lidar com dinheiro, devolver o troco, comprar os produtos e realmente sentimos resultado positivo, que ajudará na sala de aula com a aprendizagem na matemática. Na verdade, mostramos para eles que a matemática está em tudo no nosso dia a dia e que não podemos tratá-la como um bicho de sete cabeças, mas sim como uma ferramenta para a vida”, salientou a professora.

Todo o dinheiro arrecadado foi contabilizado pelos alunos e professores, e já tem destino certo: a festa de formatura dos 5º anos. A aluna Alicia do Carmo, garantiu que aprendeu a lidar com dinheiro e que já está planejando os quitutes para a próxima edição. “Com a ajuda da professora, aprendi a passar o troco para o cliente e ficamos felizes porque conseguimos vender todos os doces. Na próxima feira, quero fazer bolinho de chuva com cobertura de chocolate”.

Dircom/Prefeitura de Barreiras

Deixe aqui o seu comentário!
EmoticonEmoticon