Em reunião, Rotary Barreiras apresenta instituição para tratamento e acolhimento de pessoas com câncer


O Rotary Club Barreiras Rio de Ondas realizou uma reunião de apresentação do ICOB – Instituto do Câncer do Oeste da Bahia, na segunda-feira, 08, uma organização da sociedade civil sem fins lucrativos, no Auditório da ABAPA. Na oportunidade, estiveram presentes representantes de diversas entidades, lideranças da cidade e Luís Eduardo Magalhães, bem como o secretário municipal de saúde Anderson Vian.

O processo de criação do instituto iniciou no Rotary em 2014, com o lançamento de uma petição pública com o objetivo de mobilizar a população e sensibilizar o poder público para a construção de uma unidade de tratamento de câncer em Barreiras. Foram coletadas cerca de 15 mil assinaturas, as quais foram entregues ao Secretário de Saúde do Estado da Bahia, Fábio Vilas Boas.

“Temos somado esforços para que Barreiras e região recebam o serviço de atendimento oncológico. Toda mobilização neste sentido será muito bem-vinda, por isso não poderia deixar de participar deste encontro. Enquanto esta demanda regional não avança, estamos atendendo nossos pacientes com o apoio dos hospitais de Salvador, assim como oferecendo a hospedagem na capital em local custeado pelo município”, disse o secretário de saúde de Barreiras, Anderson Vian

Inspirado na UOPECAN – União Paranaense de Estudos e Combate ao Câncer, sediado em Cascavel/PR e criado por rotarianos, o Rotary de Barreiras iniciou o processo de criação de um instituto que fará a gestão de recursos que poderão ser direcionados para a construção de um hospital, casa de acolhimento de famílias e pacientes em tratamento e núcleos de apoio.

“O que o Rotary espera é que essas pessoas retornem às instituições e divulguem entre seus pares a importância da criação do instituto e da contribuição da sociedade para que o projeto se viabilize, além de se disponibilizar para elucidar eventuais dúvidas. Dentro em breve, será agendada uma assembleia geral para criação da instituição e eleição de diretoria”, acrescentou Marizete Zuttion, membro do Rotary Club.

Durante a reunião foram traçados cenários para médio e longo prazo quanto às possíveis ações do ICOB, assim como o debate sobre questões relevantes quanto a importância da instalação de uma unidade de tratamento do câncer na região Oeste, os impactos nos municípios e oferta de serviços ligados à saúde.

COMPARTILHAR
Anterior
Proxima