segunda-feira, 6 de maio de 2019

Alunos do CETEP ampliam conhecimentos em oficina de audiovisual na FASB









Estudantes do Centro Territorial de Educação Profissional da Bacia do Rio Grande (CETEP), participaram de uma oficina de audiovisual, na tarde desta terça-feira (30), no auditório da Faculdade São Francisco de Barreiras. O grupo, composto por cerca de 70 alunos, dos cursos técnicos de informática e comércio, receberam um amplo treinamento, com dicas para gravar vídeos caseiros com qualidade próxima da profissional, uma aula sobre os fundamentos, técnicas e conceitos da produção de vídeos e uma visita aos laboratórios de TV e de Rádio da instituição. Os alunos receberam, também, uma explanação sobre os nichos ocupacionais no mercado do audiovisual e conheceram a estrutura curricular do curso de Produção Audiovisual.

O professor do curso de Produção Audiovisual da FASB, Gustavo Ribeiro, ministrou a primeira parte da oficina. Após apresentar técnicas que aumentam a qualidade dos vídeos com o uso de objetos caseiros e listar equipamentos de baixo custo disponíveis na internet para incrementar a produção de vídeos para as redes sociais, ele mencionou a importância do talento e da criatividade no trabalho de filmmakers e videomakers. “O audiovisual não precisa ser uma coisa cara, como era antigamente. Hoje, todo mundo tem um smartphone. Colocando a criatividade e algumas técnicas, é possível aproximar o mundo do audiovisual da realidade regional. A gente tem conseguido fazer isso com muita facilidade”, disse. A segunda parte do treinamento foi ministrada pelo professor José Carlos Silva.

“Eles são bem curiosos em relação à produção de vídeos, porque lá na escola nós temos um trabalho voltado para isso e desenvolvemos os projetos estruturantes da rede estadual de ensino, com o PROVE, que é o concurso para produção de vídeos. Anualmente esses projetos movimentam centenas de alunos, em toda a região. Esta oficina, com certeza, vai estimular ainda mais o interesse dos participantes e vai provocar o aumento da qualidade dos vídeos produzidos pelos alunos do CETEP”, disse o professor Leandro Andrade, que acompanhou os alunos durante a instrução.

A estudante Raquel Camandaroba dos Santos vê o treinamento como fundamental para o aumento dos trabalhos com vídeo. “Ano passado não tínhamos muita noção sobre a produção audiovisual, pelo fato de ser o primeiro ano, então decidimos não arriscar a produzir vídeos para o PROVE. Esse ano vamos participar, porque temos a experiência dos que assistimos no ano anterior, e, com essa oficina aqui na FASB, ganhamos confiança para elaborar nossos projetos. Além do mais, descobrimos que não é necessário gastar muito dinheiro para fazer materiais criativos e interessantes. Será uma grande experiência”, pontuou. Gustavo Henrique, também estudante do CETEP, vê muitas afinidades entre o curso dele, informática, com a produção de filmes. “Ambos são muito tecnológicos. Por isso nos sentimos tão à vontade”, definiu.

O coordenador do curso de Produção Audiovisual da FASB, Vandré Vilela, considera fundamental a aproximação dos jovens com o universo da produção de áudio e vídeo, para auxiliar no processo de formação. “Sempre tivemos uma parceria com o Núcleo de Tecnologia em Educação, relacionada ao PROVE. As oficinas que realizamos têm o objetivo de aproximar o público do ensino médio da produção de vídeo, com um toque maior de qualidade, tanto para serem utilizadas nos projetos estruturantes e pedagógicos, quanto nas iniciativas de interesse pessoal. Os alunos podem, por exemplo, produzir um vídeo para utilizar durante a apresentação de um trabalho em sala de aula”, explicou.
 Araticum Comunicação 

Deixe aqui o seu comentário!
EmoticonEmoticon