Professores municipais do campo participam de Oficina de Educação Ambiental


A Prefeitura de Barreiras, por meio da Secretaria de Meio Ambiente e Turismo em parceria com a Associação de Agricultores e Irrigantes da Bahia (Aiba), Associação Baiana dos Produtores de Algodão (ABAPA) e 4º Batalhão de Engenharia e Construção (4º BEC), estão intensificando os esforços para a recuperação de nascentes e áreas de preservação ambiental no município. Ao todo, já foram catalogadas em campo mais de 50 nascentes, dentre elas foram diagnosticadas 20 que já estão recebendo ações de recuperação hidroambiental.

Mas para reforçar essas atividades, os parceiros identificaram a necessidade do envolvimento direto das comunidades nas ações e principalmente a inclusão da educação ambiental, com os adultos, jovens e crianças que residem nas localidades rurais. Reforçando o projeto, os profissionais do Parque Vida Cerrado abraçaram a causa e já iniciaram a capacitação ambiental, iniciada com a equipe técnica da Secretaria de Meio Ambiente e Turismo, coordenadores pedagógicos e gestores escolares das escolas do campo.

A segunda etapa aconteceu nessa manhã de sexta-feira, 26, no auditório da sede do Parque da Vida Cerrado com a Oficina de Planejamento das Ações de Educação Ambiental com os professores das escolas da zona rural. Mais de 40 educadores receberam orientação da bióloga Gabrielle Bes da Rosa, que trabalhou temáticas para curto, médio e longo prazo em prol da conservação dos recursos naturais da região, em especial, a água, vital para a sobrevivência humana.

“Esse envolvimento dos professores, coordenadores pedagógicos e moradores é essencial nessa força tarefa de recuperação das nascentes. Eles estão lá no dia a dia, e poderão contribuir na manutenção e conservação da área”, disse a bióloga.

Para o secretário de Meio Ambiente e Turismo, Demósthenes Júnior, a educação ambiental realizada pelo Parque Vida Cerrado é um passo importante associado à recuperação e conservação das nascentes nas comunidades rurais.

“O trabalho de recuperação das nascentes já está acontecendo, recuperamos totalmente sete nascentes em Barreiras, com o método caxambu, além de isolamento de áreas de conservação. Mas ainda precisávamos da educação ambiental, que agora através do Parque da Vida Cerrado será disseminada aos moradores, professores e alunos de forma contínua e técnica, contribuindo para ações sustentáveis com foco na preservação do meio ambiente”, salientou o secretário.

COMPARTILHAR
Anterior
Proxima