Abapa recepciona estudantes de escola agrícola durante a Agrorosário 2019



Durante a Agrorosário, realizada no município de Correntina, a Associação Baiana dos Produtores de Algodão (Abapa) recepcionou na tarde do último sábado (16) os estudantes da Escola Agrícola de Santana Pe. Arhur Birk, que puderam conferir as principais novidades tecnológicas do setor agrícola. À convite do conselheiro da entidade, Denílson Roberti, e do diretor-executivo, Lidervan Moraes, os estudantes também puderam conhecer mais sobre os projetos desenvolvidos pela associação que reúne os agricultores ligados à cadeia produtiva do algodão, como os programas ligados à fitossanidade, treinamentos, qualidade da fibra e de treinamentos. Os estudantes se originam de várias partes da região como Baianópolis, Canápolis, Sítio do Mato, dentre outros.

Agricultor do município de Jaborandi, o conselheiro Denilson Roberti, acredita na formação dos profissionais da região para atuação na área agrícola. “Estamos em um negócio altamente tecnificado e moderno e esta aproximação dos estudantes dedicado à produção agrícola é fundamental para o intercâmbio de informações em um mercado de trabalho que evolui e muda muito rápido”, explica. Também participaram da visita os agricultores da região de Santana e membros do Comitê da Bahia do Rio Corrente, que também vieram entender como as altas produtividades vem garantindo rentabilidade aos produtores e o uso potencializado do uso das terras na agricultura.

Realizada no distrito de Rosário, em Correntina, na divisa entre os estados da Bahia e Goiás, a Agrorosário levou cerca de dez palestras aos produtores, consultores e profissionais do setor. Dentre as atividades, destaque para as palestras sobre “Sucessão familiar”, “Manejo de doenças da soja” e “Fertilizantes naturais na agricultura de escala”. Na Agrorosário, realizado na última semana, nos dias 15, 16 e 17, a programação ainda contou com o debate de temas como “Microbiologia do Solo”, “Plantabildade – um desafio para a boa produtividade” e sendo encerrado com a palestra “Valorização do Território, tendo como contrapartida a responsabilidade do agronegócio”.


Assessoria de Imprensa Abapa

COMPARTILHAR
Anterior
Proxima