sexta-feira, 8 de fevereiro de 2019

Decreto proíbe Padres de estarem sozinhos com menores de idade na Paraiba



Um decreto assinado pelo arcebispo metropolitano da Paraíba, Dom Manoel Delson proíbe que os padres estejam na companhia de menores e de adultos vulneráveis desacompanhados dos pais ou responsáveis, na casa paroquial, no carro paroquial ou em outros ambientes reservados.

O decreto foi assinado na quarta (06), duas semanas depois do Fantástico televisionar uma reportagem sobre a condenação da Igreja Católica pela Justiça do Trabalho a pagar uma indenização de R$ 12 milhões por exploração sexual de menores de idade.

O documento também proíbe oferecer alojamento a menores e a adultos vulneráveis desacompanhados dos pais ou responsáveis.

Além disso, o atendimento espiritual é preciso ser feito nos confessionários ou em locais adequados na igreja que garantam segurança e visibilidade.

Dom Delson alertou que, em casos de condutas suspeitas de abuso sexual por parte dos sacerdotes, ele pode limitar ou até mesmo o exercício da atividade pastoral dos religiosos até que as acusações sejam esclarecidas.

Metro 1