Serviço Florestal é transferido do Ministério do Meio Ambiente para a Agricultura



O Serviço Florestal Brasileiro foi transferido, na reforma administrativa do governo de Jair Bolsonaro, do Ministério do Meio Ambiente para a Agricultura. A decisão foi estabelecida por uma Medida Provisória publicada na terça-feira (1º).

O Serviço Florestal foi criado em 2006 para administrar a concessão de florestas públicas e tem como principal atribuição o Cadastro Ambiental Rural (CAR), um registro eletrônico obrigatório para os proprietários de imóveis rurais e um mecanismo de implementação do Código Florestal.

O Ministério da Agricultura foi designado pelo presidente Jair Bolsonaro para ficar a cargo da Deputada federal (DEM-MS) licenciada do mandato, Tereza Cristina.

COMPARTILHAR
Anterior
Proxima