Procuradoria pede rejeição de contas de vice-prefeito de Correntina



A Procuradoria-Eleitoral da Bahia recomendou a rejeição das contas de campanha deste ano do vice-prefeito de Correntina, Michel Delgado.

De acordo com o relatório, os valores aplicados na campanha superam o valor do patrimônio declarado pelo político na ocasião do registro da candidatura. O vice-prefeito não explicou à Justiça a origem de R$ 15,6 mil aplicados, do próprio bolso, na disputa.

Michel concorreu ao posto de deputado estadual, pelo PPL, mas não se elegeu. Obteve 8.737 votos.


Metro 1

COMPARTILHAR
Anterior
Proxima