Ministério da Saúde, CNPq e Fundação Gates investirão US$ 2,5 mi em pesquisas no Brasil



Com o objetivo de melhorar a Saúde Materno-Infantil e a resistência aos antimicrobianos no Brasil, o Ministério da Saúde investirá US$ 2,5 milhões em 25 pesquisas em parceria com o Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq) e a Fundação Gates. A iniciativa é voltada apenas para pesquisadores brasileiros, de acordo com o Grand Challenges Explorations (GCE), grupo que financia ideias e soluções inovadoras em todo o mundo. Cada projeto receberá 100 mil dólares para desenvolver suas ideias em 18 meses. A expectativa é que eles auxiliem gestores a definir melhores políticas públicas nestas duas áreas.

Segundo o secretário de Ciência, Tecnologia e Insumos Estratégicos, do Ministério da Saúde, Marco Fireman, a parceria permitirá que o Ministério da Saúde elabore ações para aprimorar a saúde pública. “O SUS é o maior sistema público de saúde do mundo e atende um país diverso e de dimensões continentais. Essa é uma parceria estratégica porque nos permite compreender os perfis da nossa população e alimentar os nossos bancos de dados, o que colabora para uma melhor orientação das políticas públicas”, afirmou.

COMPARTILHAR

Publicado por:

Anterior
Proxima
Os comentários publicados aqui por você, são de sua inteira responsabilidade.