Filha de João de Deus move ação contra médium por estupro, diz site



Uma filha do médium João de Deus move uma ação contra ele no valor de R$ 50 milhões por danos morais sofridos em razão de estupro continuado. O processo, de meados deste ano, foi obtido pelo site O Antagonista.

Segundo a reportagem, a mulher diz que o pai é um homem bruto e violento. O advogado da vítima, Marcos Eduardo Cordeiro Bocchini, declarou que não poderia comentar o caso, já que a ação corre em segredo de justiça. No entanto, uma fonte do Ministério Público ouvida pelo site diz que ela teria sido violentada quando era menor de idade, o que classificaria o crime como estupro de vulnerável.

O advogado de defesa de João de Deus, Alberto Toron, disse ao site que há um vídeo em que a filha do médium retira as acusações. Porém, ele não apresentou o material e Bocchini desconhece a existência das imagens.

Na última semana, dezenas de mulheres denunciaram o médium por abusos sexuais cometidos durante atendimentos espirituais. As primeiras acusações foram divulgadas pelo programa Conversa com Bial, na última sexta (7).

COMPARTILHAR

Publicado por:

Anterior
Proxima
Os comentários publicados aqui por você, são de sua inteira responsabilidade.