Deputada Jusmari Oliveira afirma que irá levar á justiça, autores de calúnias e injúrias


O indivíduo que divulga uma notícia falsa sobre alguém comete o crime de difamação. E quando há interesses públicos em jogo, a punição deve ser “agravada” porque o prejuízo passa a ser também de toda a sociedade.


Nas primeiras horas desta quarta-feira (07), a Deputada eleita Jusmari Oliveira, publicou em suas redes sociais uma nota na qual afirma que levará à justiça os autores de Fakenews contra ela e o marido, o prefeito de Luís Eduardo Magalhães, Oziel Oliveira.

Parte das Fakenews foi publicada em uma página da rede social Facebook, na qual os administradores acreditam estar protegidos pelo anonimato.
Segundo a deputada o anonimato é apenas ilusório, e a justiça já está agindo para punir os responsáveis.

LEIA A NOTA NA ÍNTEGRA:

A quem interessar possa:
A maldade e a inveja não têm limites para quem não tem Deus no coração, não respeita o próximo e não tem coragem para transformar o mundo em um lugar melhor.
A maior motivação da minha vida sempre foi lutar por quem mais precisa, representar os interesses do povo, transpor obstáculos que para muitos poderiam parecer intransponíveis.

Assim foi quando ergui minha voz para representar os pequenos produtores do então Mimoso do Oeste, também quando fui eleita vereadora, deputada, quando criei Luís Eduardo Magalhães, assumi a prefeitura de Barreiras, a SEDUR, e agora, novamente conduzida para à Assembleia, para continuar trabalhando por nossa cidade, região e pela Bahia como um todo.

Não represento uma causa, represento gente. Não represento um momento, tenho toda uma vida pautada na entrega pelo coletivo. Não faço alianças convenientes, construo amizades sólidas.

Minha última campanha foi feita por estes amigos, de forma voluntária e por vezes até anônima. Os votos que recebi são o reconhecimento do trabalho prestado, reflexo da credibilidade em mim depositada, para representatividade do povo baiano.

Os custos da pequena estrutura que nos permitiu visitar diversos municípios; além da produção do material que foi utilizado pelos aguerridos voluntários para dar publicidade ao nosso número, foram pagos com recursos do partido, os quais estão devidamente descritos na prestação de contas já entregue ao TRE.

Jamais precisei de prefeitura ou de qualquer outra instituição para garantir um mandato. Se precisasse de dinheiro para seguir minha vida pública, eu encontraria outra maneira para servir meu povo. Com mandato ou sem ele, jamais abandonei minha missão.

Vocês que insistem na tentativa de desconstruir meu nome ou o de Oziel, que está a tantos anos ao meu lado, porque como eu, também dedica sua vida ao bem comum, deveriam deixar a inveja de lado e trabalhar para a construção de suas próprias histórias. Não é difícil, é só conectarem com Deus, que ele dará forças para vocês também.

Enquanto não desenvolvem essa faculdade, sugerimos que se invistam de coragem para responder na justiça por sua calúnia e difamação contra nós. O anonimato já foi quebrado e não protegerá os covardes que se aproveitam dele para destilar seu veneno.


Assessoria de Comunicação/Jusmari Oliveira

COMPARTILHAR

Publicado por:

Anterior
Proxima
Os comentários publicados aqui por você, são de sua inteira responsabilidade.