terça-feira, 20 de novembro de 2018

Acadêmicos de Biomedicina da FASB visitam centro de diagnóstico por imagem





Estudantes do curso de Biomedicina da Faculdade São Francisco de Barreiras (FASB) realizaram visitas técnicas, orientadas, nas últimas semanas, às instalações do Centro de Diagnóstico por Imagem (CDI) em Barreiras. A programação, que teve uma média de sete alunos por vez, foi viabilizada por acordo firmado entre as instituições, vislumbrando a contribuição para a formação do profissional desta área, que tem centros de imagem como possíveis locais de trabalho. A última, de uma série de três visitas, ocorreu na tarde de quarta-feira (14). Os acadêmicos conheceram as salas de ressonância magnética, ultrassonografia, mamografia e tomografia computadorizada.


O professor Rodrigo Carneiro, da disciplina de Imaginologia, do curso de Biomedicina comentou sobre a atividade e as vantagens decorrentes. “Eles têm toda a parte teórica, toda a parte biofísica da formação de imagem, mas saber como acontece, na prática, tem uma importância muito maior. Por isso é fundamental a gente sair um pouco da sala de aula e mostrar a realidade de um centro de diagnóstico por imagem, não apenas a parte da aparelhagem, mas todo o funcionamento, desde a recepção, até a parte da emissão dos laudos. Essa dinâmica fora da sala de aula acaba sendo muito mais produtiva” afirmou.


Anderson Borges, gestor administrativo do centro de diagnóstico, falou sobre a visão do CDI em relação ao mercado de trabalho e à oportunidade de geração de conhecimento para acadêmicos. “Sempre foi um propósito do CDI abrir as portas para a sociedade, principalmente no campo universitário. Nosso objetivo é dar oportunidade para os estudantes agregarem conhecimentos e despertar o interesse deles em trabalhar conosco, no futuro, após a formação. É uma parceria em que todos saem ganhando”, pontuou.


A estudante Valquíria Ribeiro, fez uma avaliação da atividade, que conta como aula prática. “Nós, como futuros biomédicos tivemos um reforço muito relevante sobre o funcionamento da estrutura, que e grandiosa tanto do ponto de vista físico, quanto tecnológico. Aquilo que a gente vê na sala de aula se materializou nesse encontro, com acompanhamento do professor da disciplina e dos profissionais da CDI, que nos mostraram a rotina de trabalho e os equipamentos que são utilizados nos exames com muita atenção e disposição”, disse a estudante, que enfatizou, ainda, a necessidade de o profissional investir em qualificação, para atender às exigências do trabalho em um centro de diagnóstico por imagem.


 Araticum Comunicação

Uma forma inovadora e segura de pedir seu áudio!

Uma forma inovadora e segura de pedir seu áudio!
Clique no Banner e entre no site e faça o seu cadastro!