A partir deste sábado, candidato só pode ser preso em flagrante


Começa a valer neste sábado (13) a regra que impede que candidatos no segundo turno da eleição sejam presos, a não ser em caso de flagrante delito. A lei consta no Código Eleitoral e protege os concorrentes nos 15 dias que antecedem a disputa nas urnas.

O segundo turno da eleição acontece no próximo dia 28 de outubro. Jair Bolsonaro (PSL) e Fernando Haddad (PT) concorrem pela Presidência da República. Em 13 estados e no Distrito Federal também vai haver disputa entre candidatos ao governo.

COMPARTILHAR

Publicado por:

Anterior
Proxima
Os comentários publicados aqui por você, são de sua inteira responsabilidade.