Associação Atlética de Enfermagem da FASB realiza Curso de Noções de Atendimento Pré-Hospitalar




A Associação Atlética Acadêmica de Enfermagem da Faculdade São Francisco de Barreiras (AAAEF), grupo formado por alunos da FASB, com o objetivo de promover as atividades do Curso de Enfermagem, realizou, nos dias 12 e 13 deste mês, o Curso ‘Noções de Atendimento Pré-Hospitalar (APH)’ na sede da unidade educacional. Ministrado pelo enfermeiro Alex Cristiano Cardoso de Oliveira, com mais de nove anos de experiência em urgência e emergência no SAMU 192, o treinamento atraiu mais de 100 pessoas, entre profissionais e interessados, de diversas cidades do oeste baiano.

O ministrante, que também trabalhou na Unidade de Pronto Atendimento (UPA), de Luís Eduardo Magalhães, apresentou aos participantes a importância de observar e preservar a cena do acidente, o senso de liderança da equipe de socorristas, cinemática do trauma e o atendimento inicial, com as avaliações primária e secundária. “Tentamos estimular a turma, para que tome gosto pela emergência porque a pessoa escolhe estar ou não na cena do salvamento, mas a vítima não tem essa escolha. Então, a dedicação e a instrução do socorrista aumentam as chances do paciente”, disse Alex Cristiano.

Daiane Muniz de Souza Sene, presidente da Atlética de Enfermagem, considera que os objetivos do curso foram alcançados: “A gente criou esse evento por duas razões: a primeira é a promoção de uma ação social, com a contribuição de pessoas das cidades vizinhas, e a outra é que a Atlética não tem fontes de renda, mas precisa de recursos em caixa para realizar suas atividades. Então esse evento também nos ajudou nesse aspecto, além da divulgação do curso, que é uma das finalidades da existência dessa entidade estudantil”, declarou.

Uma das participantes, Dávylla Caroline, falou sobre o aproveitamento do exercício. “É um curso de extrema importância, tanto para o profissional, quanto para o leigo. Além de aprender o que deve ser feito numa situação de acidente ou crime, é fundamental que qualquer pessoa saiba o que não deve fazer. Assim evitamos a complicação do quadro da pessoa atendida”, avaliou. “O palestrante tem muita experiência, e nos trouxe muitas informações úteis para a profissão e para a vida”, concluiu.


Araticum Comunicação

COMPARTILHAR

Publicado por:

Anterior
Proxima
Os comentários publicados aqui por você, são de sua inteira responsabilidade.