Formosa é contemplada com kit de instrumentos da Orquestra Plástica da Bahia






A Escola Municipal de Música 22 de Dezembro de Formosa do Rio Preto recebeu no último sábado (04) um kit de instrumentos musicais produzidos com materiais recicláveis, entre eles tubos de PVC, mangueiras e funis. A entrega ocorreu em Angical, durante o concerto didático Viagem aos Limites Planetários, do Projeto Orquestra Plástica do Neojiba: Formação Musical para a Sustentabilidade, de Salvador. 

Além de Formosa, outras quatro cidades do Oeste baiano foram contempladas. O kit formosense é composto por 13 instrumentos (05 banjolinos, 02 violinos, 04 flautas e 02 pvsax).

“A sustentabilidade é uma das principais pautas da atualidade. A junção disso com criatividade e arte gerou esse grande projeto através do qual tivemos a felicidade de sermos contemplados. Esperamos que esse material feito com objetos reciclados sejam inspiração para nossos alunos e toda sociedade”, falou a diretora da escola municipal de música, Ezimélia Lustosa.

A Orquestra Plástica da Bahia é uma tecnologia social desenvolvida pelo programa do Neojiba (Núcleos Estaduais de Orquestras Juvenis e Infantis da Bahia), iniciativa que promove o acesso de crianças, adolescentes e jovens do estado à formação musical e que tem patrocínio da iniciativa privada e do governo estadual. 

A fabricação de instrumentos sinfônicos de cordas com o plástico PVC acontece nos Ateliers de Lutheria de Plástico do Orquestra Plástica, sediados em Simões Filho e Angical. Neste último, o coordenador é o maestro da Filarmônica Filhos do Oeste e luthier do Neojiba, Natan Paes, idealizador da construção desses instrumentos com tubos de PVC.


Ascom prefeitura de Formosa do Rio Preto/BA

COMPARTILHAR

Publicado por:

Anterior
Proxima
Os comentários publicados aqui por você, são de sua inteira responsabilidade.