Secretaria de Assistência Social e Trabalho lança o Programa de Cursos - Geração de Emprego e Renda no Residencial Boa sorte








Moradores do Bairro e do Residencial Boa Sorte participaram na tarde de sábado (16) do lançamento do Programa de Cursos Geração de Emprego e Renda, promovido pela Secretaria Municipal de Assistência Social e Trabalho através do Programa Cidade Social, em parceria com a PHILOS Consultoria e a Caixa Econômica Federal.

“A proposta do município é integrar os moradores, principalmente os que participam do Programa Minha Casa Minha Vida, em projetos que os favoreçam e os integrem no desenvolvimento econômico, esse projeto busca capacitar o público para ter uma renda extra, e ter assim uma iniciativa própria para o empreendedorismo local. Todos os cursos em parceria com o SENAI serão gratuitos, inclusive com transporte para levar os inscritos nos dias do curso”, explicou Karlúcia Macêdo, secretária de assistência social e trabalho.

Com a participação da engenheira de alimentos e coordenadora do SENAI, Carla Gobbi, da representante da PHILLOS Consultoria, Priscila Sampaio e da presidente da Associação dos Moradores do Residencial Boa Sorte, Fabiana Pereira, os 150 inscritos tiveram a oportunidade de conhecer sobre a proposta do Programa de Cursos, que nesse primeiro encontro, disponibilizou 15 opções para escolha.

Tatiane Lopes, fez a escolha pelo curso de Eletricista Residencial Baixa Tensão, um dos mais procurados, inclusive pelo público feminino. “É uma profissão bem procurada e eu não tenho medo da eletricidade, essa foi uma grande oportunidade e eu estou aproveitando porque se eu fosse pagar seria muito caro”, destacou.

Segundo Priscila Sampaio, a meta é ter no mínimo 300 inscritos, que ao final do curso com duração de até três meses, participarão de uma feira em praça pública com o objetivo de mostrar os produtos e o seu valor comercial, “a PHILLOS está fazendo a gestão do Projeto Plano de Desenvolvimento Social Territorial, essa parceria foi fruto de uma licitação, e estamos representando o município com essa proposta de agregar valores sociais aos moradores desse bairro. É importante que os moradores inscritos nos cursos compreendam que tudo produzido por eles têm valor agregado e comercial e que possibilitam eles trabalhar, por exemplo, como autônomo”, disse.


Dircom/Prefeitura de Barreiras

COMPARTILHAR

Publicado por:

Anterior
Proxima
Os comentários publicados aqui por você, são de sua inteira responsabilidade.