Bahia Farm Show 2018 mantém tradição e impressiona com a grandiosidade das máquinas para o campo


Como uma vitrine das inovações em máquinas e equipamentos agrícolas, a Bahia Farm Show 2018 volta a impressionar com a ‘grandiosidade’ e tecnologia que impacta e facilita a vida dos agricultores no campo. A feira, que se estende até sábado (9), em Luís Eduardo Magalhães, apresenta em só local uma variedade de plantadeiras, colheitadeiras, pulverizadores, tratores e aviões destinados para o setor agrícola que se adaptam à busca pela produtividade e eficiência. 


No portfólio, a Agrosul/John Deere apresenta como uma das principais novidades a plantadeira de 61 linhas de alta performance, com desligamento por sessão, e considerada ideal para a cultura do algodão. “A grande versatilidade dessa máquina é a autonomia, por ser uma plantadeira só de sementes, permitindo uma maior velocidade de deslocamento. Toda a performance da máquina é possível acompanhar pelo celular ou tablet, o que traz muita comodidade para quem opera o equipamento, sendo de fácil uso sendo considerada a maior em venda deste tipo no Brasil”, disse o expositor da Agrosul, Wanderley Junior.

Uma das inovações trazidas pela Campoeste/Stara é o pulverizador Imperador 3.0 que tem tripla função, trabalhando como pulverizador, distribuidor de fertilizantes e semeador pneumático. O diferencial, segundo a área comercial, é que consegue plantar sementes finas na largura da barra. Quando o assunto é semeadora, a revenda Campoeste expõe para os visitantes a plantadeira Stara Absoluta, eleita a máquina do ano pelo Machine of the Year. O equipamento promete oferecer agilidade e eficiência no plantio onde a fertilização acontece em operação separada e trazem o desligamento automático das linhas de plantio. “Esse sistema evita a sobreposição das linhas e plantio e resulta em economia de sementes e aumento de produtividade”, explica Pedro Hersen, da Campoeste.


Na Bahia Farm Show, a Jaraguá/New Holland apresenta a colheitadeira recordista mundial de soja, ao colher 439.730 quilos de soja em oito horas com a colheitadeira CR8.90, fabricada em Sorocaba (SP). “Além desta máquina, trouxemos todo o portfólio de produtos que interessa aos produtores do Oeste e do Matopiba. E trouxemos, agora, a maior colheitadeira do mundo”, informa expositor Fábio Martins, da Jaraguá/New Holland. Ele se refere à CR10.9, uma das mais avançadas colheitadeiras de grãos, e que entrou para o guinness book, quando colheu 797.656 toneladas de trigo em oito 8 de trabalho. A máquina é considerada a mais potente do mundo, com 652 cavalos, e também a maior do mundo, com capacidade para 14.500 litros de armazenamento. 


A Maxum/Case não fica atrás quando o assunto é inovação tecnológica. O Patriot 350 é um robusto pulverizador que garante adaptação às mais variadas condições de terreno para elevar a produtividade. O equipamento leva a garantia de resposta na arrancada e o maior desempenho na subida, e traz como diferenciais a suspensão hidráulica ativa, estabilidade nas barras e distribuição de peso. Todos estes recursos para garantir uma maior qualidade de aplicação e alto rendimento operacional. Além do pulverizador, Lilian Franciosi, do Marketing da Maxum/Case, reforça que também se destacam outras novidades aos visitantes, a exemplo da linha de tratores Steiger, de 370 a 620 cavalos de potência, que vai atender as demandas do agricultor baiano e de todo o Matopiba.

A Bahia Farm Show 2018 conta com cerca de 250 estandes, sendo 190 na área externa e 60 na área coberta, e que representa 900 marcas expostas, entre empresas de produção de sementes, defensivos, fertilizantes, insumos, máquinas, aviação, sistemas de irrigação, dentre outros. A previsão é que durante os cinco dias de feira seja ultrapassada a marca dos R$ 1,5 bilhão em oportunidades de negócios, e seja visitada por cerca de 60 mil pessoas.

Araticum

COMPARTILHAR

Publicado por:

Anterior
Proxima
Os comentários publicados aqui por você, são de sua inteira responsabilidade.