Temer diz não ter se incomodado com atos de hostilidade em São Paulo


Temer diz não ter se incomodado com atos de hostilidade em São Paulo
Foto: José Cruz / Agência Brasil

O presidente Michel Temer disse não se incomodar com os atos de hostilidade praticados contra ele na última terça-feira (1º) ao visitar a região onde um prédio desabou na cidade de São Paulo. Por outro lado, ele comentou que o Brasil precisa "tomar critérios de educação cívica". O presidente afirmou ainda que caso ele não tivesse comparecido, a repercussão também seria negativa. Temer visitou o local do incidente durante a manhã e deixou o local sob protestos e gritos de golpista. "Eu não me incomodo com isso, o importante era o gesto de autoridade. Você é presidente da República, num caso como esse, convenhamos, uma tragédia das mais dramáticas, e com gente naturalmente muito carente, muito pobre. Eu estando em São Paulo e não comparecer lá, seria objeto de críticas", comentou. O edifício Wilton Paes de Almeida, no largo do Paissandu, foi atingido por um incêndio durante a madrugada de terça após uma explosão no quinto andar do prédio.

COMPARTILHAR

Publicado por:

Anterior
Proxima
Os comentários publicados aqui por você, são de sua inteira responsabilidade.