Paralisação dos caminhoneiros já provocou perdas de mais de R$ 10 bilhões

Greve dos caminhoneiros já provocou perdas de mais de R$ 10 bilhões
Foto: Tânia Rêgo / Agência Brasil
A greve nacional dos caminhoneiros, que provoca uma crise de abastecimento no país, já provocou perdas de ao menos R$ 10,2 bilhões na economia. O levantamento foi divulgado pela Folha de S. Paulo neste domingo (27), com base em estimativas de diferentes setores. Os mais prejudicados foram o da construção e da indústria de carnes, com prejuízo de R$ 2,4 bilhões cada. A paralisação dos caminhoneiros teve início no último dia 18. Desde então, os trabalhadores bloqueiam estradas e dificultam o transporte de mercadorias. Na avaliação do presidente da Câmara Brasileira da Indústria da Construção (CBIC), José Carlos Martins, 40% das atividades do setor foram atingidas. No mercado de carnes, exportações deixaram de ser feitas, o abate está sendo postergado e produtos estão apodrecendo. Ainda segundo o levantamento divulgado pela Folha de S. Paulo, pelo menos outros quatro setores da economia acumulam perdas de mais de R$ 1 bilhão desde o início da greve: indústria automotiva, indústria têxtil, indústria de leite e indústria farmacêutica.

COMPARTILHAR

Publicado por:

Anterior
Proxima
Os comentários publicados aqui por você, são de sua inteira responsabilidade.