Secretaria de Meio Ambiente e Turismo de São Desidério recupera mais uma nascente com o método Caxambú








A Prefeitura de São Desidério por meio da Secretaria Municipal de Meio Ambiente e Turismo (SEMATUR), recuperou mais uma nascente utilizando o método caxambú na zona rural do município, desta vez quem recebeu os benefícios foram os moradores do Povoado de Brejo da Forquilha. Os trabalhos foram realizados na manhã dessa terça-feira, 10, e contou com a participação dos estudantes da Escola Municipal Pedro Alvino da Rocha da localidade de Sítio Novo e do Colégio Estadual Presidente Médici, da sede.

A iniciativa faz parte do Programa Municipal de Recuperação de Nascentes em parceria com a Associação dos Agricultores e Irrigantes da Bahia (AIBA) e a Associação Baiana dos Produtores de Algodão (ABAPA).

“É muito importante a presença dos alunos, pois além de aprenderem como funciona o método Caxambú, os mesmos ajudaram a fazer todo processo, multiplicando o conhecimento dessa pratica que está dando muito certo. É preciso a gente construir na sociedade e comunidade escolar este compromisso para que a educação seja, de fato, um instrumento de mudança e de transformação social”, afirmou o secretário de Meio Ambiente e Turismo, Joacy Carvalho.

Para o professor Georghinton Diêgo, acompanhar de perto todo processo faz parte de um conhecimento mais concreto. “Percebo a curiosidade dos alunos sobre o método aplicado, e também no que se refere as áreas de preservação permanente, é um trabalho bastante significante para todos os envolvidos e principalmente para a população”, frisou.

Método Caxambú – Esta técnica consiste em um sistema de filtragem natural da água, sendo uma medida que ajuda a preservar a qualidade e a disponibilidade da água para o consumo humano. “A primeira vez que acompanho de perto esse trabalho e gostei muito do que aprendi, gostaria que todos tivessem a consciência de preservar algo tão importante na nossa vida”, assegurou o estudante do 3º ano do ensino médio, Marcos Adriano Rocha da Silva.

As comunidades beneficiadas com o projeto são Alegre da Pontezinha, Cabeceira do Salto, Conceição de Baixo, Marias, Boqueirão do Palmeiral, Estiva, Canabravão, João Rodrigues, Baixa Bonita, Pindaíba, e entre outras. “Um beneficio muito grande para todos nós, fico muito feliz, com esta ação, pois será de grande valia para preservar a água para as futuras gerações. Está de parabéns a Prefeitura pela iniciativa”, disse o morador, Levir Alves da Silva.

COMPARTILHAR

Publicado por:

Anterior
Proxima
Os comentários publicados aqui por você, são de sua inteira responsabilidade.