Luís Eduardo Magalhães: Embasa promove 49 desobstruções este ano por causa de mau uso da rede de esgoto



Na última sexta-feira (13), a equipe da Empresa Baiana de Águas e Saneamento (Embasa) retirou na rua Mangue Seco, no bairro Santa Cruz, em Luís Eduardo Magalhães, uma grande quantidade de lixo, como pedaços de madeira, plástico e até osso, de dentro de um poço de visita (PV), estrutura de inspeção identificada por uma tampa que integra o sistema de esgotamento sanitário. Neste domingo (15), foi a vez dos técnicos desobstruírem um novo trecho da rede, na região central, próximo ao rio dos Cachorros, na sede do município, novamente com lixo e entulho encontrado.

Até meados de abril, foram desobstruídos 49 pontos diferentes da rede de esgoto. Segundo o gerente da Embasa em Luís Eduardo Magalhães, Vagner Pereira, a rede não é preparada para receber lixo. “Quando é ligado indevidamente água da chuva, inevitavelmente é carreado também areia, pedra e lixo para dentro da rede. É proibido abrir também as tampas dos poços de visita localizadas nas ruas para escoar a água de chuva empoçada nas ruas”, recomendou. “É preciso que os usuários revisem as suas ligações de esgoto e, como recomendado pela mobilização social, escoem a água das chuvas diretamente para as ruas ou para um sistema de drenagem próprio, caso exista”, recomenda.

Na rede de esgoto devem passar somente água servida dos banheiros, cozinha e da lavanderia e deve ser evitado jogar papel higiênico, fio dental, gordura, pedaços de pano, dentre outros. Todas estas orientações são repassadas durante o processo de notificação dos imóveis que têm à sua disposição rede de esgoto e que contam com o prazo de 90 dias para realizar a ligação à rede. A concessionária deve manter a rede de esgoto funcionando e evitar e corrigir obstruções. Em caso de obstrução, os moradores podem ligar no telefone 0800 0555 195. Da caixa de inspeção, localizada na calçada, para dentro da casa, a responsabilidade é do morador.

Assessoria de Comunicação da Embasa
Unidade Regional de Barreiras (UNB)

COMPARTILHAR

Publicado por:

Anterior
Proxima
Os comentários publicados aqui por você, são de sua inteira responsabilidade.