Flamengo perde em última instância e Sport é o campeão brasileiro de 1987


A polêmica que parece eterna sobre o campeão brasileiro de 1987 teve, enfim, um desfecho, ao menos judicialmente. Na última sexta-feira, a maioria dos ministros do Supremo Tribunal Federal (STF), órgão máximo do sistema judicial brasileiro, deu ganho de causa ao Sport em última instância. Desta forma, o Flamengo não pode mais recorrer da decisão.

O último recurso formal antes da decisão final foi apresentado em dezembro de 2017, quando a Primeira Turma do STF decidiu por unanimidade rejeitar o recurso apresentado pelo Flamengo para discussão do time vencedor da competição nacional. O processo já teve sua baixa definitiva efetuada pela justiça

O imbróglio judicial envolvendo Sport e Flamengo se deu por conta da opção de alguns clubes em não disputar o Campeonato Brasileiro de 87 organizado pela Confederação Brasileira de Futebol (CBF). A alternativa foi organizar um torneio a parte, criado pelo Clube dos Treze, entidade formada pelos principais clubes do país na época, que ficou conhecido como Módulo Verde. Nessa competição, o Rubro-Negro carioca terminou com o título.

No entanto, o Brasileirão organizado pela CBF teve o Sport como campeão, depois de vencer o Guarani na final. A entidade decidiu, então, promover um quadrangular entre os finalistas das duas competições, mas não contou com a chancela dos times que disputaram o Módulo Verde. Desde 2011, a equipe pernambucana é tratada como a única campeã em 1987 pela entidade.

Na última terça-feira, o Sport recebeu uma homenagem pelos 30 anos da conquista na Assembleia Legislativa de Pernambuco, mesmo antes da decisão definitiva da justiça.
Gazeta Esportiva

COMPARTILHAR

Publicado por:

Anterior
Proxima
Os comentários publicados aqui por você, são de sua inteira responsabilidade.