Servidores reclamam do abandono no Hospital Eurico Dutra






Na tarde de ontem, 22, a presidente do Sindsemb, Carmélia da Mata emitiu uma nota via rede social, divulgando a situação caótica que enfrenta os servidores do Hospital Eurico Dutra com as péssimas instalações do espaço para descanso dos profissionais em plantão e troca de escala. Mais de dez servidores efetivos denunciaram o desrespeito, e foram constatadas a presença de insetos, mofo nas paredes e móveis, colchões velhos e camas quebradas.

A presidente Carmélia que já manteve contato com a direção do HED quando foi denunciado as marmitas azedas e cruas, irá notificar novamente a Secretaria de Saúde e unidade hospitalar solicitando que seja resolvido prontamente a situação.

Segue a nota :

" A nossa maior preocupação como cidadãos contribuintes é com a educação e a saúde. São bens essenciais e insubstituíveis a qualidade de vida do ser humano.

Infelizmente mais uma vez, temos que voltar nossa atenção ao servidores da saúde municipal que estão clamando por providências no Hospital Eurico Dutra. No mês passado, enfrentamos a batalha das marmitas, ora azeda, ora crua e sem qualidade. Nos direcionamos a direção do hospital, pedindo que fossem tomadas as medidas cabíveis para proporcionar uma alimentação equilibrada e digna aos nossos servidores.

Hoje já recebemos mais denúncias sobre o espaço conforto, local de descanso dos servidores que estão de plantão ou aguardando escala. As beliches estão velhas, colchões sujos e mofados, insetos por todos os cantos, péssima condição da instalação elétrica , mau cheiro e outros problemas. Os servidores já comunicaram a direção durante a reunião interna, mas não obtiveram sucesso em seus apontamentos.

Temos denúncias registradas em fotos e vídeo.

Precisamos urgentemente saber o que será feito. Como os profissionais poderão descansar e atender os pacientes, sem as mínimas condições nesse espaço ? Cadê a valorização dos servidores? Cadê o cumprimento da lei?

Estaremos comunicando a Secretaria Municipal de Saúde para que seja tomado as providências, porque precisamos, queremos e merecemos o respeito e valorização com nossos servidores", desabafou a presidente Carmelia da Mata.

ASCOM/ SINDSEMB 

COMPARTILHAR

Publicado por:

Anterior
Proxima
Os comentários publicados aqui por você, são de sua inteira responsabilidade.