PPS especula filiação de Huck no dia 7; Angélica terá que sair do ar em caso de candidatura




A candidatura do apresentador Luciano Huck à Presidência da República é dada como certa por auxiliares do presidente Michel Temer – a única incógnita é qual o partido será escolhido. Segundo informações da coluna Painel, do jornal Folha de S. Paulo, entre os tucanos aliados do governador Geraldo Alckmin afirmam não acreditar que o iniciante tenha preparação suficiente para enfrentar a disputa. Nos bastidores do PPS, que negocia sua filiação, a data especulada para sua entrada é 7 de abril. Na Globo, o desejo é o fim do impasse. A emissora avisou a Huck que Angélica, esposa do apresentador, também terá que sair do ar caso decida se candidatar. Executivos da TV Globo tem feito questão de demonstrar insatisfação e afirmam ter deixado claro a Huck que não querem ser levados para o debate eleitoral.

COMPARTILHAR

Publicado por:

Anterior
Proxima
Os comentários publicados aqui por você, são de sua inteira responsabilidade.