Rui lamenta morte de liderança do MST e determina apuração rigorosa do homicídio


O governador Rui Costa lamentou, por meio das suas redes sociais, a morte de Márcio Matos, dirigente do MST e membro do Partido dos Trabalhadores (PT). Aos 33 anos, ele foi morto nesta quarta-feira (24), na cidade baiana de Iramaia.

“Lamento a morte de Márcio Oliveira Matos, mais conhecido como Marcio do MST. Conhecido pela firme luta em defesa da igualdade social, ele foi assassinado no município de Iramaia. Tão logo soube da triste notícia, determinei à Secretaria de Segurança Pública a imediata e rigorosa apuração do crime. Meus sentimentos de pesar aos amigos e familiares neste momento de profunda dor”, afirmou o governador.

COMPARTILHAR

Publicado por:

Anterior
Proxima
Os comentários publicados aqui por você, são de sua inteira responsabilidade.